Será que eu alcancei o clímax? Essa é uma dúvida muito comum que surge em muitas mulheres. Alguns estudos comprovam que grande parte da população feminina do Brasil não conhece ou não atinge o orgasmo. E, por isso, resolvemos trazer algumas informações importantes que são necessárias para entender melhor qual a importância deste assunto dentro da sua intimidade conjugal e do seu matrimônio.

Primeiramente, antes de definir qualquer resposta, precisamos reconhecer que TUDO aquilo que nosso organismo nos proporciona de maneira natural, como: sensações, sentimentos e até mesmo o prazer faz parte da criação de Deus.  Não podemos esquecer que própria criação da mulher foi feita por Ele, para que ela fosse uma companhia para o homem.

“Com a costela que havia tirado do homem, o Senhor Deus fez uma mulher e a trouxe a ele”. (Gênesis 2:21,22)

Ao instituir o casamento, o desejo de Deus era que o homem e a mulher fossem uma só carne, “Por essa razão, o homem deixará pai e mãe e se unirá à sua mulher, e eles se tornarão uma só carne.”(Gênesis 2:24) e compartilhassem sua intimidade conjugal com um profundo apego emocional.  A bíblia ainda afirma que: “O marido e a esposa devem satisfazer as necessidades sexuais um do outro.” (1 CO 7:3)

Mas, o que é exatamente o orgasmo?

Fique tranquila, não é momento de se desesperar se você também tem dúvidas sobre o que é, ou não, um orgasmo nós iremos te explicar! É uma sensação intensa de prazer, com contrações involuntárias da musculatura pélvica, seguido de relaxamento, ou seja, é uma resposta dada, por meio do sistema nervoso, como resposta a estímulos.

Assim como outras condições biológicas, é uma reação natural do corpo tanto da mulher quanto do homem, que ocorre quando o casal atinge o ápice da intimidade conjugal.

Tá, e como faço para chegar lá e saber que cheguei?

Há, você não está sozinha! Sim, este é um grande dilema na vida de muuuuitas esposas. Então, vamos por partes!

Se o orgasmo é uma reação biológica e esta reação biológica depende do meu organismo, logo, tudo aquilo que integra o corpo de uma mulher faz parte do cuidado de Deus durante a modelagem da estrutura feminina, assim como o clitóris.

O clitóris é um pequeno órgão feminino, com 8.000 terminações nervosas, e sua função é proporcionar prazer.  Resumindo, toda mulher pode encontrar no clitóris uma fonte de prazer intenso durante a sua intimidade matrimonial. Recentemente descobriu-se que o clitóris é a FONTE inclusive do orgasmo vaginal, em outras palavras, seu estímulo correto é que vai fazer com que a mulher atinja o orgasmo.

Durante a relação, os movimentos se intensificam e isso causa grande tensão no corpo todo, até que, por fim, a pessoa se sente extremamente relaxada depois de eliminar toda a adrenalina. Você provavelmente vai sentir tremores nas pernas, barriga, pés e seu coração vai acelerar, até que finalmente atingirá uma sensação muito prazerosa, que é o orgasmo!

Então, ok, você já sabe o que é e por onde chegar lá. Mas, como chegar e como saber que chegou? Também é algo extremamente importante de se saber! Para atingi-lo, a mulher precisa, antes de tudo, conhecer o que gosta ou não.

Depois disso, é preciso que seu marido também conheça essas realidades no seu corpo, e para isso é necessário que a COMUNICAÇÃO também faça parte da rotina de vocês. Se você tem dificuldade de chegar ao clímax durante a intimidade conjugal, basta ter cautela para direcionar melhor o momento de intimidade entre vocês.

Não é possível afirmar se você realmente teve um orgasmo, ou não. Essa é uma percepção que varia de mulher para mulher ao terminar o ato sexual, mas, provavelmente, você vai se sentir relaxada e satisfeita, sem ter sentimento de frustração. Mas, cuidado! Também é necessário saber que dificuldade em atingir o orgasmo pode estar relacionada a algo fisiológico e, neste caso, é essencial buscar a ajuda de um profissional, como fisioterapeuta pélvico ou ginecologista.

Olhe para o seu casamento, entenda quão saudável ele está. Com esta reflexão, a vivência entre o casal se fortalece, e muito. Assim o vínculo entre vocês crescerá e possibilitará maior conexão em tudo, inclusive na  intimidade conjugal.

“Eu sou do meu amado, e ele me tem afeição. Vem, ó amado meu, saiamos ao campo, passemos as noites nas aldeias. Levantemo-nos de manhã para ir às vinhas, vejamos se florescem as vides, se já aparecem as tenras uvas, se já brotam as romãzeiras; ali te darei os meus amores. As mandrágoras exalam o seu perfume, e às nossas portas há todo o gênero de excelentes frutos, novos e velhos; ó amado meu, eu os guardei para ti.” (Ct. 7:10-13)

Reconhecendo essa sensação física e natural como uma criação de Deus e sabendo aproveitá-la da melhor maneira possível, os momentos de amor entre você e seu cônjuge vão aumentar. Além disso, a relação sexual como um todo é extremamente necessária para elevar a intimidade e a cumplicidade no matrimônio.

A Entre Lençóis está aqui para te ajudar! Solucionar problemas, tirar dúvidas e dar todo o suporte necessário para que você consiga elevar o seu casamento ao nível máximo! Se procura por algum tipo de orientação a respeito de relacionamentos ou intimidade conjugal, entre em contato conosco.

“Acima de tudo, porém, revistam-se do amor, que é o elo perfeito. Que a paz de Cristo seja o juiz em seus corações, visto que vocês foram chamados a viver em paz, como membros de um só corpo. E sejam agradecidos.”

(Colossenses 3:14,15)

assine nossa newsletter

© ENTRE LENÇÓIS. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.